sábado, 10 de junho de 2017

[Pegadas & Divulgações] Novidades Ficção Planeta - Junho

Sobre o livro: Leninha conta-nos a sua história. 
Uma mulher nascida na província que se rebela desde que tem memória contra tudo aquilo que lhe é imposto: a família, a estreiteza dos espaços e das vidinhas pequeno-burguesas, as pequeninas e grandes hipocrisias que mascaram com perfume barato a pocilga em que, afinal, todos chafurdam. 
Leninha respira fundo no chiqueiro dos porcos, mas atabafa no quotidiano mascarado de normalidade. E conta-nos a sua história, sem complacência nem piedade.  
Era nestes momentos que o cheiro das pocilgas me vinha à memória com tal intensidade que chegava a sentir uma espécie de felicidade. De repente, regressei onde nasci e cresci. O Luís Filipe dançava, agora, num palco improvisado mesmo à frente do meu rosto, e imaginei-me com ele, a subir e a descer as escadas lá da pensão, essas escadas que levavam ao piso por cima da sala de refeições onde o meu quarto se encontrava. Imaginei as caras dos hóspedes, alguns que me conheciam desde a infância, alguns dos que me davam conselhos e me abençoavam quando partiam e me faziam muitas recomendações e beijocavam a mãezinha e apertavam as mãos do paizinho e me esfregavam o alto da cabeça, emaranhando-me os cabelos numa prolongada festa. O que é que eu posso fazer se nasci assim, rebelde? E isto sou eu agora a falar, agora que já se passaram tantos anos. 

Sobre a autora: Cristina Carvalho nasceu em Lisboa a 10 de Novembro de 1949. Durante a sua actividade profissional, contactou com milhares de pessoas e visitou inúmeros países, sendo a Escandinávia e o Oeste português as regiões que mais ama e que mais influência exercem sobre o seu imaginário e a sua personalidade enquanto transitório ser humano do sexo feminino, habitante do planeta Terra e, por acaso, escritora. Não por acaso, nesta sua actividade a que não chama profissional é já autora de vários livros, e outros seguirão. 
Até à data, tem publicados: Até já não é Adeus (1989 e 2017); Momentos Misericordiosos (1992); Ana de Londres (1996); Estranhos Casos de Amor (2003); O Gato de Uppsala (2009); Nocturno: o Romance de Chopin (2009) e Lusco-Fusco (2012), (os três últimos seleccionados para o Plano Nacional de Leitura); Tarde Fantástica (2011); A Casa das Auroras (2011); Rómulo de Carvalho/António Gedeão – Príncipe Perfeito (2012), Marginal, 2013, Quatro Cantos do Mundo, (2014), O Olhar e a Alma, Romance de Modigliani (2015), As Fabulosas Histórias da Tapada de Mafra, (2016). 
----------------------------------------------------------------------
Sobre o livro e autora: Um livro desassombrado de poemas, pensamentos, textos poéticos e pinturas da autora, de cariz autobiográfico, que olha o leitor nos olhos para lhe dizer: «O homem que há em mim se apaixonou perdidamente pela mulher que sou.» 
Ana Carolina, uma das vozes mais poderosas e populares da música brasileira, com 17 anos de carreira, mais de 5 milhões de discos vendidos, prémios e nomeações para os Grammy, é uma artista de múltiplos talentos.
Compositora, arranjadora musical, pintora, estreia-se, com Ruído Branco, como poeta. 
Num livro que espelha toda a diversidade do seu universo, onde brilha em diversos matizes a sua passionalidade lírica, como lhe chama o escritor Fabrício Carpinejar, os fãs de Ana Carolina, e agora os seus leitores, encontrarão a inconfundível marca da mulher e da artista que Ana Carolina é: forte e corajosa, grave e livre, sem concessões a moralismos de fachada e assumindo-se de verdade em tudo o que faz, como faz. 
Uma estreia na poesia saudada por José Luís Peixoto, que assina um belíssimo prefácio à edição portuguesa, e por Fabrício Carpinejar, outro destacado escritor, da nova geração brasileira, que assina o prefácio da edição original.     
----------------------------------------------------------------------
Sobre o livro: A história, tal como no livro anterior, é passada na Inglaterra do século XIV.
Gillian é conhecida entre os membros do seu clã, como a Desafiadora. Apaixonada por Niall desde a infância, viveram uma linda história de amor que acabou quando ele partiu para a guerra sem se despedir dela. 
Gillian jurou que jamais o perdoaria. Niall, no entanto, é tão teimoso e orgulhoso como a amada. Agora que regressou, voltam a encontrar-se, mas nenhum está disposto a dar o braço a torcer. 
Mas a vida é caprichosa e a paixão começa a apoderar-se outra vez deles. Serão capazes de resistir? 
O próximo livro da série será publicado em Setembro.  

Sobre a autora:  É uma reconhecida e prolífica escritora do género romântico. Filha de mãe espanhola e pai americano, já publicou vários romances.
Em 2010 ganhou o Prémio Internacional Seseña de Novela Romántica, e em 2010 e 2012 recebeu o Premio Dama de Clubromantica.com e em 2013 o Aura Galardão do Encuentro Yo Leo RA.
Vive numa encantadora aldeia nos arredores de Madrid, na companhia do marido, dos filhos, dos cães Drako e Pluty e das gatas Julieta, Coe e Peggy Sue.  
----------------------------------------------------------------------
Sobre o livro: Nova Iorque, cidade de sonhos e inovação daqui a cem anos. Todos querem qualquer coisa… e todos têm algo a perder.
O exterior impecável de Leda Cole esconde um vício secreto por uma droga que nunca devia ter experimentado e por um rapaz em quem nunca devia ter tocado. 
A vida bela e descuidada de Eris Dodd-Radson desmorona-se quando uma traição lhe destrói a família. 
O trabalho de Rylin Myers num dos andares mais altos mergulha-a num mundo e num romance inimaginável. Watt Bakradi é um génio da informática com um segredo. O rapaz sabe tudo sobre todos, mas quando é contratado para espiar uma rapariga dos andares superiores, vê-se apanhado numa complicada rede de mentiras. 
E a viver acima de todos, no milésimo andar, está Avery Fuller, uma rapariga geneticamente perfeita que parece ter tudo mas que vive atormentada pela única coisa que nunca poderá ter. 
No meio de um progresso espantoso e de um luxo de alta tecnologia, cinco adolescentes tentam encontrar o seu lugar no topo do mundo, mas quanto mais se sobe, maior é a queda...     

Sobre a autora: Katharine McGee nasceu em Houston no Texas. Estudou Literatura Inglesa e Francesa na Universidade de Princeton e um MBA pela Universidade de Stanford. Foi quando viveu em Nova Iorque, a trabalhar como editora de dia e a escrever à noite, que começou um manuscrito sobre a vida num arranhacéu futurista. Thousandth Floor é o seu primeiro romance.

Nenhum comentário:

Postar um comentário