sábado, 27 de fevereiro de 2016

[Pegadas & Opiniões] 'No teu Olhar' de Nicholas Sparks

Autoria: Nicholas Sparks
Editora: Edições ASA
Edição: Novembro de 2015
N.º Páginas: 520
Tradução: Isabel Veríssimo

Sinopse: Colin Hancock é jovem mas já viveu mais violência e abandono do que a maioria das pessoas. Foi perante o abismo que tomou a corajosa decisão de começar de novo. Agora, o emprego num restaurante da moda pode não o satisfazer, mas o sonho de se tornar professor parece cada vez mais perto de se concretizar. Dar às crianças o carinho e a atenção que ele próprio não teve é o seu grande e único objetivo… mesmo que o preço a pagar seja a solidão.
Maria Sanchez também deseja, acima de tudo, uma vida calma. Filha de imigrantes mexicanos, aprendeu desde cedo o valor do trabalho árduo, da ética e da lealdade. Para ela, bastam-lhe o emprego num prestigiado escritório de advogados e uma noite tranquila em casa para repôr as energias. Nem a insistência da sua irmã surte efeito. Com uma profissão tão arriscada, Maria aprecia a segurança que o isolamento lhe dá.
Colin e Maria não foram feitos um para o outro. Ele representa tudo aquilo que ela despreza, é o típico meliante que ela está habituada a ver atrás das grades. E quando se cruzam numa noite de tempestade, o fosso que os separa é profundo e evidente. Mas, a partir desse momento fortuito, as suas vidas não voltarão a ser as mesmas.
Conseguirão eles ver para além das aparências? Ler nos olhos do outro o que de mais profundo lhe vai na alma? Ceder à persistente memória daquela noite?

Opinião: Em primeiro lugar venho, desde já, confirmar que sou super fã deste autor e que já li quase todos os seus livros! Dou-me já como 'culpada'! 
Posso dizer que, na escrita de Nicholas Sparks, o que mais me fascina não são apenas as histórias de amor criadas por si, mas sim a capacidade de criar essas mesmas histórias de amor com todo um enredo real, e em alguns casos, carregado de suspense que nos prende desde o prólogo até ao epílogo. 
Este romance 'No teu Olhar' não foi excepção! Maria e Colin vivem um romance improvável que, desde o seu início, nos deixa derretidos com o carinho, a cumplicidade e a protecção que vão sentindo um pelo outro. Cheguei ao fim de alguns capítulos e só pensava 'que amorosos!', porque realmente é quase palpável pelo leitor o afecto que Maria e Colin nutrem. Este livro não nos traz um amor arrebatador, de levar ás lágrimas, mas sim um romance mais realista, mais confortável (eu gostei!)
Se Maria agora tem a vida amorosa que sempre desejou, começam a desencadear-se uma série de acontecimentos misteriosos (como bilhetes ameaçadores), que vêm pôr em causa a sua segurança e a segurança dos seus entes queridos mais próximos. E aqui começa o verdadeiro drama (que não vou desenvolver mas fiquei muito contente com o seu fim porque não aconteceram mortes trágicas, ufa! Com Nicholas Sparks nunca se sabe o que esperar...).
Gostei imenso da história de vida de Colin, onde este personagem fascinante tem uma história dura que o conseguiu transformar num ser humano sincero, transparente e bonito. Gostei muito, também, da amizade entre ele e Lily e Evan, aquela amizade que é mesmo para tudo, para o bom mas essencialmente para o menos bom. A personagem da irmã de Maria, Serena, também me cativou imenso porque Serena é jovem, extrovertida e completamente 'desbocada' e tentou sempre aconselhar Maria, que em muitas das alturas parecia apenas ser alguém que nunca tinha realmente vivido a vida, um pouco 'pãozinho sem sal', até Colin chegar à sua vida.
Sem dúvida que gostaria de ter visto mais explorado a relação de Colin com a sua família, acho que teria enriquecido ainda mais toda a trama.
Contudo, esta é uma leitura fácil e até surpreendente com todo o mistério envolto em Maria, onde damos por nós a ler dezenas de páginas com alguma sofreguidão para finalmente sabermos quem está por detrás de todas as ameaças e malvadezas. 
Adorei e recomendo!

Classificação:



Nenhum comentário:

Postar um comentário