segunda-feira, 10 de abril de 2017

[Pegadas & Divulgações] Novidades Coolbooks/Porto Editora - Março e Abril

Sobre o livro: Uma palavra encontrada num livro antigo tem o potencial de dizimar a Humanidade, e duas facções distintas digladiam-se pela sua posse na cidade da indústria. As autoridades de Saint Paul entram em alerta total devido a uma ameaça vinda dos céus da cidade, e cabe ao inspector Lindberg travá-la. O mote sexo, drogas e rock industrial manifesta-se na forma de uma estranha doença que aflige Julian Kronenburg, vocalista da banda Brides of Christ. Numa Saint Paul futurista, o êxodo pendular casa-trabalho/trabalho-casa torna-se numa luta diária pela sobrevivência. A queda de um realizador de cinema no vazio arrasta consigo Felix e Melissa, os quais acabam por se unir na sua luta contra o medo e a solidão.
Um escritor atravessa o mundo e os séculos, carregando um segredo terrível, e encontra a sua alma gémea em Saint Paul. A mesma tecnologia que permite repovoar a Terra após o Apocalipse Andróide serve para despoletar psicopatologias latentes, bem como o aparecimento de novos e terríveis crimes. Nas palavras do escritor G.H. Ballantine, «o tempo é o motor do caos e da destruição», e em Saint Paul o passado e o futuro colidem, transformando-se mutuamente. 

Sobre o autor: António Bizarro nasceu em 1978, na cidade de São Paulo, e cresceu no Barreiro; atualmente reside em Pirescoxe, a meio caminho entre um castelo do século XV e uma oliveira milenar. Em 2006 integrou o splitCD ‘Seek And Thistroy!’, da Thisco Records, que incluía o seu projecto de música electrónica City of Industry e as bandas Devhour e Tatsumaki. Em 2010 editou o seu primeiro livro, ‘Siamese Dream’. Em 2015 lançou o seu primeiro álbum em nome próprio, ‘Opus I: Dark Room’, disponível para download em https://soundcloud/antoniobizarro, e o livro ‘Fragmentos – Tony Dornbusch’, através do seu blog http://androidapocalypse.blogspot.pt. Em 2016 publicou o seu terceiro livro, ‘O Longo Caminho de Regresso’, através da Coolbooks.
---------------------------------------------------------------------------
Sobre o livro: JAMIE APRESENTA O LIVRO. 
"A palavra «família» tem um significado diferente para cada um de nós, quando falamos de comida. Para mim, está associada a comida aconchegante, reconfortante e feita para ser partilhada, o que muitas vezes significa que é também comida que não nos faz tão bem. Mas não neste livro! Aqui incentivamo-lo a apreciar boa comida que o alimenta todos os dias, quer a deguste sozinho, com a família ou os amigos. Encontrará neste livro informação nutricional em todas as receitas; procurei também incluir, para todos os almoços e jantares, pelo menos duas porções de fruta e legumes por prato. Cada receita foi criada com a intenção clara de a tornar saudável e este livro é complementado com um último capítulo sobre saúde e bem-estar, para lhe dar a si e à sua família tudo aquilo de que precisam para se sentirem em plena forma e terem uma vida mais feliz e mais saudável."

Sobre o autor: Jamie Oliver é um fenómeno global em matéria de alimentação e promoção de campanhas. Com uma carreira de mais de 17 anos na televisão e na edição de livros, já inspirou milhões de pessoas a gostarem de cozinhar e a preferirem alimentos frescos. A obra social que patrocina, a Jamie Oliver Food Foundation, lidera uma contínua Revolução Alimentar a nível global, com o objetivo de promover a saúde e a felicidade de todos através da alimentação. Jamie começou a cozinhar aos 8 anos no pub dos pais, o CrickIeters, em Clavering, no Essex. Quando terminou os estudos iniciou uma carreira profissional como Chef que o levou até ao River Café, onde foi descoberto por uma empresa produtora de televisão, e assim nasceu The Naked Chef. Em 2001, Jamie deixou The Naked Chef quando abriu em Londres o restaurante Fifteen, que foi o início de um percurso de 15 anos a preparar jovens sem emprego para carreiras profissionais na indústria da restauração, em Londres, na Cornualha e em Amesterdão. Anos mais tarde, liderou um movimento que reivindicava mais qualidade nas refeições das cantinas escolares do Reino Unido e que trouxe grandes mudanças ao sistema alimentar das escolas britânicas. A sua Fundação implementa, no Reino Unido e no estrangeiro, programas de educação alimentar nos ensinos básico, secundário e universitário, e também junto das comunidades mais carenciadas através dos centros do Jamies’s Ministry of Food. As suas campanhas nacionais e internacionais empenham-se em revolucionar os hábitos alimentares dos cidadãos e das suas famílias. Todos os anos, no Food Revolution Day (Dia da Revolução Alimentar), a Fundação celebra o sucesso e chama a atenção para tudo o que precisa de ser melhorado na indústria alimentar, e não só, procurando galvanizar os governos e a indústria a apoiar a promoção de uma mudança positiva na educação alimentar e na saúde pública. Entre os famosos restaurantes do Jamie, destacam-se o Barbecoa e o conjunto de restaurantes Jamie’s Italian, no Reino Unido e no estrangeiro. A sua extensa gama de produtos alimentares e não-alimentares é mundialmente reconhecida. Além de colaborar no Jamie Magazine, Jamie comunica com o seu público através de inúmeras plataformas digitais, criando conteúdos e aparecendo em exclusivo no jamieoliver.com, nos seus canais do Jamie Oliver’s Food Tube, no YouTube, e num número crescente de redes sociais. Jamie publicou até à data 17 livros de cozinha, todos eles campeões de vendas e todos eles acompanhados de programas na televisão. Jamie vive em Londres e no Essex, com Jools, a sua mulher, e com os filhos,
---------------------------------------------------------------------------
Sobre o livro:  E se Deus marcasse um encontro consigo? As férias de Mackenzie Allen Phillips com a família na floresta do estado de Oregon tornaram-se num pesadelo. Missy, a filha mais nova, foi raptada e, de acordo com as provas encontradas numa cabana abandonada, brutalmente assassinada. 
Quatro anos mais tarde, Mack, mergulhado numa depressão da qual nunca recuperou, recebe um bilhete, aparentemente escrito por Deus, convidando-o a voltar à malograda cabana. Ainda que confuso, Mack decide regressar à montanha e reviver todo aquele pesadelo. O que ele vai encontrar naquela cabana mudará o seu mundo para sempre.

Sobre o autor: Wm. Paul Young nasceu no Canadá e foi criado pelos pais missionários no seio de uma tribo indígena da antiga colónia holandesa da Nova Guiné Ocidental. Sofreu grandes perdas durante a infância e o início da idade adulta, mas atualmente vive «em estado de graça» com a família, no Noroeste dos EUA. É autor dos bestsellers do The New York Times, A Cabana, obra recordista de vendas, A Travessia, e também Eva.
---------------------------------------------------------------------------
Sobre o livro: Simon Spier tem 16 anos e os únicos momentos em que se sente ele próprio são vividos atrás do computador. Quando Simon se esquece de desligar a sessão no computador da escola e os seus emails pessoais ficam expostos a um dos colegas, este ameaça revelar os seus segredos diante de toda a escola. Simon vê-se, assim, obrigado a enfrentar as suas emoções e a assumir quem verdadeiramente é perante o mundo inteiro. 

Sobre a autora: Becky Albertalli é uma psicóloga clínica que teve o privilégio de acompanhar como terapeuta dezenas de adolescentes inteligentes, estranhos e irresistíveis. Também prestou serviço por 7 anos enquanto líder adjunta de um grupo de apoio à identificação de género, em Washington DC. Vive com a família em Atlanta. Este seu primeiro romance obteve várias distinções, incluindo: nomeação para a Carnegie Medal; seleção para o National Book Award; nomeação pelo Goodreads Choice Awards nas categorias de Autor Estreante e Ficção Jovem-adulto; prémio na categoria Melhor Estreia Jovem-adulto, pelo Williams C. Morris Award.


Nenhum comentário:

Postar um comentário