segunda-feira, 10 de abril de 2017

[Pegadas & Divulgações] Novidades A Esfera dos Livros - Março e Abril

Sobre o livro: Num registo irónico e actual, a jornalista Helena Magalhães, apresenta-nos um livro que nos faz reflectir sobre as relações amorosas nos dias de hoje em que as redes sociais marcam o ritmo: as juras de amor são feitas por Whatsapp, os «amo-te» vêm em forma de fotografia peloInstagram e os ex-namorados e as ex-namoradas dos ex-namorados convivem alegremente no Facebook, assistindo à nossa vida como se de uma novela se tratasse.
Mas Helena acredita no amor, apesar das relações fast-food que muitas vezes sente na pele. Enquanto homens como o Sem Cojones, oFlash, o Velho, o Poeta ou o Telecomunicações vão passando pela sua vida sem deixar nada para contar a não ser histórias caricatas e, por vezes, inverosímeis, Helena Magalhães quer viver todas as sensações que o amor puder oferece-lhe e nunca vai contentar-se com menos do que isso, porque o amor é mais do que isto e há que dizer «não» até que a vida nos dê a entender que chegou o momento de dizer «sim».
Um «sim» apaixonado, confiante e absoluto.
Sobre a autora: Helena Magalhães formou-se em Política Social e, mais tarde, em Criminologia, tendo sempre trabalhado com mulheres. Fez parte de vários projectos governamentais focados no trabalho com mulheres, na violência doméstica e no empowerment feminino. A passagem para a imprensa feminina acabou por ser gradual quando a vontade de escrever falou mais alto. Fez alguns cursos de escrita e jornalismo entretanto. Actualmente, é jornalista de beleza, colaboradora regular no Observador e escreve crónicas para o Brasil Post sobre amor e relações.
O blogue The Styland existe desde 2014 e nasceu devido à sua vontade em criar conteúdos independentes e uma plataforma que se tornasse uma arma de empowerment para as mulheres em termos de amor, beleza e vida no geral. Foi aí que nasceu a crónica «O Amor é Outra Coisa» que começou a contar histórias e a envolver os leitores nesse sentido, com mensagens positivas sobre o amor e as relações modernas.Criou em 2015 o movimento «Vive a Tua Beleza» com outras bloggers que procurou passar mensagens positivas de auto-estima numa sociedade que vive de imagens irreais relativamente ao corpo da mulher.
------------------------------------------------------------------------
Sobre o livro: Mentimos por hábito ou para nos protegermos? Para ficarmos bem vistos e impressionarmos os que nos rodeiam? Ou para obter uma vantagem adicional? Mentimos por nos sentirmos inseguros, porque temos uma autoestima baixa, por humanidade? Ou mentimos para esconder algo que fizemos de errado? Para manipular os outros? Quando olhamos à nossa volta apercebemo-nos de que é quase impossível excluir a mentira da nossa vida. Todos os dias dizemos «pequenas» mentiras, que utilizamos de forma quase inconsciente mas que afetam a nossa vida e a dos outros. «Estamos quase a chegar» - e sabemos que ainda demoramos mais 20 minutos. «Esqueci-se de comprar bolachas» - e até comprámos, mas é o que dizemos ao nosso filho quando ele nos pede bolachas mesmo antes do jantar. «Não recebi esse e-mail» - e, na verdade, recebemos mas é o que respondemos ao nosso chefe quando nos pergunta se uma tarefa já está feita.
A psicóloga María Jesús Álava Reyes, autora do bestseller A Inutilidade do Sofrimento, ensina-nos a detetar as nossas próprias mentiras e as dos outros, a perceber se existe uma relação direta entre mentira e a personalidade que leve determinadas pessoas a mentir mais do que outras, quais os erros a evitar para não cairmos nas mentiras alheias ou se temos consciência das nossas próprias mentiras.
Um livro essencial para levarmos uma vida mais verdadeira, porque há mentiras no amor, no trabalho, nas relações de amizade ou na política que causam problemas emocionais e que escondem segredos que convém muitas vezes descobrir.

Sobre a autora: Com um trabalho reconhecido em Espanha e na América Latina, María Jesús Álava Reyes é licenciada em Psicologia pela Universidade Complutense de Madrid e mestre em Direcção de Recursos Humanos e em Psicologia Pedagógica, e especialista em Coaching Executivo. Foi considerada como uma das TOP 100 Mulheres Líderes em Espanha em 2012, ocupando a primeira posição na categoria de Pensadoras. É diretora do Centro de Psicologia Álava Reyes, onde trabalham mais de 30 profissionais na área de Psicologia e Medicina, e sócia-directora da empresa Apertia-Consulting, uma empresa de consultoria orientada para a eficiência operativa através de melhorias na gestão, no desenvolvimento pessoal e na comunicação, com resultados amplamente comprovados. Colabora habitualmente com diversos meios de comunicação – imprensa rádio e televisão – e é autora de diversos livros como A Inutilidade do Sofrimento (33.ª edição), A Arte de Arruinar a Sua Própria Vida (9.ª edição), Nem as Mulheres são tão Complicadas nem os Homens tão Simples (6.ª edição), Trabalhar sem SofrerRecuperar a Ilusão, As Três Chaves para a Felicidade, todos publicados por A Esfera dos Livros.
------------------------------------------------------------------------
Sobre o livro: A receita é simples: começa na organização e no estabelecer prioridades. Como deve ser esta organização? Como gerir prioridades? Ficam duas dicas:
- Crie um pequeno stock em casa: a cozinha não precisa (nem deve) estar sempre no limite. Por exemplo: se consome muito esparguete e a sua marca preferida está com 50% de desconto, compre logo 3 ou 4 embalagens, o que evita as idas diárias ao supermercado.
- Estabeleça prioridades: estar em promoção não torna o produto prioritário, promoções circulam todas as semanas, ou está com um preço nunca antes visto, ou é preferível só comprar se realmente precisar, de outra forma transforma-se num comportamento obsessivo, e para poupar isso não deve acontecer.
Janine Medeira é especialista em poupança e autora do blogue Poupadinhos & Com Vales - o segundo blogue mais lido em Portugal. No livro Ser Feliz Não é Caro apresenta-nos todas as estratégias, dicas e truques para poupar em todas as áreas do seu dia a dia: supermercado, casa, cozinha, seguros, carro, nas férias, entre tantas outras. E, para perceber como se faz, a autora apresenta-lhe as contas para provar que este não é um objetivo impossível de alcançar. Porque poupar não tem de ser sinónimo de passar privações, mas sim de fazer as escolhas certas, no momento certo. Depois é só uma questão de usufruir do dinheiro que poupou e ser feliz.

Sobre a autora: Janine Medeira nasceu em 1981. É docente na Escola Superior de Gestão, Hotelaria e Turismo - Universidade do Algarve, lecionando no Curso Superior de Turismo, Curso Superior de IAT e Curso Superior de Assessoria de Administração nas cadeiras de Animação Turística, Princípios de Turismo II, Operações Turísticas e Organização de Eventos e Congressos, Gestão da Animação. Pós-graduada em Marketing Turístico, na Universidade do Algarve, ESGHT e licenciada em Turismo e Marketing na Universidade do Algarve. Criadora e administradora do blogue Poupadinhos & Com Vales, desde março de 2013, o segundo blogue mais visitado a nível nacional, primeiro dentro da categoria de Política, Economia e Negócios. Em 2016 este blogue venceu o prémio Blogue do Ano na categoria de Política, Economia e Negócios.
------------------------------------------------------------------------
Sobre o livro: As férias da Páscoa dos mais novos começam já esta semana. Muitas crianças pouco mais farão, durantes esses 15 dias, do que entreter-se com dispositivos com ecrã. Embora essas formas de comunicação possam ser uma poderosa ferramenta de educação, o que ocorre muitas vezes é que nos deixamos dominar por elas, a começar nos pais. Por isso, estas perguntas são para si:
- Deve ou não deve ser amigo do seu filho no Facebook?
- Sabia que o vídeo na hora da sopa pode vir a tornar-se o seu pior inimigo?
- Imagina o que pode estar a acontecer quando um professor lhe diz que o seu filho tem sono nas aulas?
- Quando é que deve ligar ecrãs nas viagens de carro?
- Por que é que é tão errado encostar telefones a copos de água diante dos miúdos nos restaurantes?
- Será mesmo uma boa ideia conceder mais meia hora de computador como prémio de bom comportamento?
- Qual a grande diferença entre ser alvo de troça na escola, com umas «bocas» e encontrões, ou ser vítima de cyberbullying?
- Já alguma vez parou para pensar no conceito de «aplicações didáticas»?
- Então e a televisão: se virmos todos em família não faz mal, não é?
- Acredita no seu filho adolescente quando ele diz que está acompanhado porque está a jogar online?

Dificilmente haverá um tema da atualidade que interfira tanto no nosso dia-a-dia como o consumo desenfreado de videojogos, redes sociais e ecrãs de um modo geral, sejam computadores, tablets ou telemóveis. Um universo de investigação, fascínio e preocupação gira em torno deste fenómeno, abordando desde a forma como nos relacionamos com os outros ao modo como nos isolamos deles, passando pela maneira como as notícias se propagam, a cultura se manifesta ou conceitos como «amigos» e «mensagens» se modificam.
É esse o objetivo de i-Agora? – um livro de leitura fácil e fundamental para as famílias do século XXI - em que a psicóloga Rosário Carmona e Costa, estudiosa desta temática há vários anos, fornece respostas simples e diretas para um problema tão complexo e tão atual.  
Sobre a autora: Rosário Carmona e Costa é psicóloga clínica, pós-graduada em Psicoterapia Cognitivo-Comportamental de Crianças e Adolescentes, com experiência clínica em perturbações do desenvolvimento e socio-emocionais e com especial interesse por competências sociais, ansiedade, depressão e bullying. Especializada em Psicologia da Web e Cyberbullying, realiza, desde a sua passagem por Singapura - onde estagiou num programa de prevenção da dependência da Internet - trabalho de investigação na intervenção e formação a pais, professores e jovens nas novas dependências, uso excessivo e inadequado das novas tecnologias e cyberbullying.
------------------------------------------------------------------------
Sobre o livro: Quantas vezes já teve que pedir à sua mãe que lhe cosesse os botões da roupa dos seus filhos, porque não sabe como fazê-lo, ou recorre a uma costureira para lhe tratar da bainha das calças? A máquina de costura que comprou está arrumada a um canto porque não faz ideia de como trabalhar com ela? E aquele tecido que era perfeito para as janelas da sua sala, mas que acabou por não comprar porque costurar uns cortinados lhe pareceu uma tarefa impossível?
Joana Nobre Garcia, autora do bestseller Costura-mania, apresenta este manual em que explica o bê-a-bá da costura em 51 lições – que vão do trabalho mais simples ao mais elaborado. Nestas páginas, poderá aprender a marcar e a cortar tecidos, a chulear, a rematar, a fazer bainhas e decotes e, num nível acima, a costurar capas de almofadas, cortinados e toalhas de mesa ou mesmo a criar uma manta em patchwork.
Depois é só pôr mãos à obra e começar a costurar – para si, para a sua família, para a sua casa e, quem sabe, para transformar este hobby num bom negócio. Aliás, não vá ser essa a sua ideia, a autora dá vários conselhos e pistas que têm como objetivo motivar as suas leitoras mais empreendedoras a levar a costura (ainda mais) a sério.

Sobre a autora: Licenciada em Economia pela Universidade Católica Portuguesa, há vários anos que Joana Nobre Garcia trocou a máquina de calcular pela máquina de costura. É criadora e proprietária da marca Rosapomposa, na qual cria objetos únicos, feitos à mão, desde brinquedos, sacos em tecido e inúmeras utilidades, além de dar consultadoria a muitas marcas no desenvolvimento e criação de novos produtos. É professora de costura criativa em vários colégios em Lisboa, onde tentar fomentar as artes manuais entre os mais novos. Ao longo do ano leciona workshops para adultos e crianças e ateliês para crianças nas férias escolares. É presença assídua em vários órgãos de comunicação social e colabora com algumas campanhas de solidariedade como o Banco do Bebé ou a Dress a Girl Around the World. É responsável editorial da Revista Make it!, uma revista trimestral de costura criativa. Colabora com a Ikea, dando workshops temáticos e é designer da marca de tecidos brasileira Panoah, lançando duas coleções de tecido e tecidos autocolantes por ano. Com a Esfera dos Livros já editou Costura-maniaUma Casa para Costurar e Costurar é Divertido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário