segunda-feira, 18 de julho de 2016

[Pegadas & Opiniões] 'Mors Tua, Vita Mea' de Vanessa Santos

Autora: Vanessa Santos
Editora: Chiado Editora
Data de publicação: Maio de 2015
Número de páginas: 546
Colecção: Viagens na Ficção
Género: Ficção
 
Sinopse: Sou a Sara, e estou agoniada, desesperada, com suores frios, o mundo ganhou profundidade, está calor, não, é frio, estou tonta. Tirem-me daqui, por favor.
É assim que se inicia o relato de Sara, a rapariga mais comum da cidade de Leiria. É-lhe transmitido pelo seu chefe um segredo de família que lhes trará dificuldades e mudanças.
Em pouco tempo, Sara verá a sua vida dar uma volta de 180º, viverá momentos de pânico, medo e de pura paixão.
Trata-se de um relato divertido, que descreve o desenrolar da trama de uma forma leve, dando a conhecer o ponto de vista de uma jovem na casa dos vinte anos e no auge da sua imaginação, descrevendo as cenas que vive com à-vontade e humor.
 
Opinião: Aceitei o desafio proposto pela autora Vanessa Santos quando recebi o seu contacto para ler e escrever a opinião da sua obra. Nesse sentido, a Chiado Editora disponibilizou-me um exemplar e estou muito agradecida.
Vanessa Santos apresenta-nos Sara, a personagem principal, tão divertida e bem-humorada com as questões habituais dos seus vinte e quatro anos: o começo de novas responsabilidades, as tentativas de encontrar o seu verdadeiro amor, a dedicação ao seu felino Trepas, etc.
A trabalhar numa livraria (adorei este detalhe), Sara depara-se com um cenário de horror no primeiro dia em que vai abrir o seu local de trabalho: um corpo pendurado e decapitado.
O que estará por trás desta barbaridade? É a questão principal que acaba por guiar toda a história alucinante que vivemos nesta leitura. E digo alucinante, num sentido positivo, porque somos envolvidos para uma série de acontecimentos arrebatadores, que nos deixam sem fôlego e a magicar uma série de suspeitas.
Este livro, inserido no género ficção, é muito mais do que um livro de ficção. É um livro com uma trama enigmática, misteriosa, que nos faz absorver todas as pistas dadas para encontrarmos o caminho final da descoberta (que por sinal é surpreendente!).
Mors Tua, Vita Mea é um romance onde todas as peças do puzzle acabam por ser perfeitamente encaixadas, mas terminamos a sua leitura com a sensação de que, afinal, nada está terminado. Vanessa Santos, isto é um pedido: tem de haver uma continuação da história! Sinto que essa opção tem tudo para dar certo e eu fico á espera de desenvolvimentos. Muitos Parabéns!
Parabéns, também, pela capa, por estar tão adequada e passar uma imagem do quão poderoso este livro é.
Mais uma vez obrigada à Chiado Editora por me ter proporcionado esta leitura tão boa, com uma escrita simples e envolvente. Recomendo!
 
Classificação:
 
 
 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário